Concurso Câmara Municipal de Caruaru / PE

Câmara Municipal Caruaru

Situada no Estado de Pernambuco, a Câmara Municipal de Caruaru recebe as inscrições do concurso que vai preencher 50 vagas, além de formar cadastro reserva (CR), em cargos de níveis superior e médio.Candidatos que completaram o ensino médio podem se inscrever para técnico legislativo. Com jornada de trabalho de 30 horas semanais, o salário é de R$ 1.569,90.

Profissionais com formação superior optam pela carreira de analista legislativo nas especialidades de administração (1), biblioteconomia (1), comunicação social (1), contabilidade (1), direito (1), informática (1) e relações públicas (1). A remuneração é de R$ 1.976,27 para jornada de trabalho de 30 horas por semana.

As inscrições para o concurso da Câmara Municipal de Caruaru podem ser feitas até o dia 16 de abril no endereço eletrônicowww.fgv.br/fgvprojetos/concurso/camaracaruaru.Os valores das taxas são de R$ 68 (técnico) e R$ 85 (analista).

As provas objetivas do concurso da Câmara de Caruaru serão aplicadas no dia 31 de maio, nos horários das 8h (técnico) e das 14h (analista), em locais a serem informados oportunamente.Para analista legislativo haverá, ainda, prova discursiva.

Principais atribuições dos cargos

Apostilas especiais para estudo para Concurso Público da Câmara Municipal de Caruaru

Analista legislativo (administração) – Elaborar, executar e acompanhar projetos, pesquisas e estudos nas áreas de material, serviço, patrimônio, sistemas de informações e organizações e métodos, voltados para o aprimoramento organizacional; colher, sistematizar e interpretar dados, informações e indicadores referentes a desempenho setorial, custos, resultados, preços e cotações.

Analista legislativo (informática) – Desenvolver, implantar e manter sistemas informatizados; especificar e implantar produtos e serviços de informática; configurar e administrar a infraestrutura de informática da instituição; oferecer suporte a usuários de informática e capacitá-los; realizar pesquisas, avaliações e estudos técnicos em sua área de atuação.

Analista legislativo (biblioteconomia) – Atuar na composição, na preservação e na organização de acervos de bibliotecas e de centros de documentação da instituição; definir critérios para seleção, armazenamento, catalogação e recuperação, em meios diversos, de informações de interesse da instituição.

Analista legislativo (contabilidade) – Elaborar ou auxiliar na elaboração de balanços, balancetes e demonstrativos da execução orçamentária, financeira e contábil, bem como em análises, pareceres e recomendações necessários à instrução dos processos de prestação de contas mensais e anuais dos ordenadores de despesa.

Analista legislativo (comunicação social) – Realizar a cobertura jornalística onde houver demanda da instituição; divulgar as atividades institucionais de acordo com a orientação da Câmara Municipal; redigir textos; prestar assessoria de comunicação ao presidente e a outras autoridades da instituição.

Analista legislativo (relações públicas) – Criar e manter canais de relacionamento entre a Câmara Municipal e seus públicos; prestar assessoria de relações públicas, infraestrutura e logística em eventos realizados pela Câmara Municipal, assim como acompanhar eventos promovidos por terceiros, em que haja representação da instituição.

Analista legislativo (direito) – Supervisionar, coordenar, orientar e executar atividades inerentes à representação judicial e à consultoria jurídica da Câmara Municipal; emitir pareceres jurídicos sobre a legalidade dos atos administrativos e os direitos e deveres dos servidores da Câmara Municipal; prestar assessoria às comissões, aos vereadores, aos gabinetes, às lideranças, à mesa diretora e às diversas unidades organizacionais da Câmara Municipal, com relação à juridicidade das proposições e projetos legislativos.

Técnico legislativo – Realizar atividades de coordenação e execução especializada, em graus de maior complexidade, referentes a estudos, pesquisas, análises e projetos sobre administração em geral, organização e métodos, atividades de pesquisa e assistência técnica legislativa, inclusive acompanhamento da tramitação de proposições, bem como atividades de natureza repetitiva, envolvendo execução qualificada, sob supervisão e orientação de trabalhos de apoio, em grau auxiliar, ao desenvolvimento dos trabalhos de pesquisa legislativa.

OUTROS CONCURSOS PARA PERNAMBUCO:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *